Aru era ex-jogador do Gavião Kyikatejê

Morreu, nesta sexta-feira, o atacante indígena Aru Sompré. Aos 31 anos, ele sofreu um acidente de carro em Marabá, no Pará. O jogador tinha se destacado em 2014, quando disputou a elite do Campeonato Paraense com vestimentas e pinturas de índio, atuando pelo Gavião Kyikatejê. Aru estava viajando sozinho de Marabá para Bom Jesus do Tocantins, mas bateu o carro em um caminhão na BR-222. Testemunhas relataram que o veículo do jogador ficou bastante danificado.

O Gavião Kyikatejê foi fundado em 2009 e sempre contou com índios no elenco. Em 2014, quando chegou na elite do Paraense, Aru era o principal destaque. Ele fez 10 gols naquele ano e chamou atenção do Brasil.

Depois Aru passou por outros clubes, como Palmas, Imperatriz e Parauapebas, mas atualmente estava sem clube. No Facebook, há duas semanas, ele escreveu que tinha pensado em parar de jogar, mas desistido da ideia por causa do filho.

Fonte: Jovem Pan/ Uol