INCRA 02

O Presidente do INCRA, Leonardo Góes, o parlamentar mineiro, Gerais José Silva, ao centro, com o Diretor Nacional de Desenvolvimento do INCRA. weverton Cardoso, no ato de assinatura do decreto em Brasília.

Hoje aconteceu o lançamento do Plano Safra da Agricultura Familiar, onde o Incra mais uma vez se destacou no Cenário Político Nacional, quando o Presidente da república, assinou o Novo Decreto do crédito Instalação do INCRA, que cria quatro novas modalidades de créditos para a reforma agrária, são elas: Crédito habitacional para Construção (34 mil) e Reforma Habitacional (17 mil) nos mesmos valores e rebates do programa Minha Casa Minha Vida. Foi lançado ainda o Crédito Ambiental com duas modalidades:

O Crédito Florestal destinado a promover atividades de convivência com as florestas e desenvolvimento sustentável em áreas preservadas e o Crédito Recuperação Ambiental visando a recomposição de áreas degradadas nos assentamentos (6,4 mil cada). Foi criado crédito de apoio produtivo para a cultura do Cacau ( até 3 parcelas de 6 mil). No decreto também foi atualizado o valor da modalidade de Crédito Fomento Mulher, passando de R$3.000,00 para R$5.000,00 reais . O Decreto representa uma importante etapa no processo de modernização e ampliação do Crédito de Instalação que se iniciou em 2017 com o decreto 9.066, que desburocratizou o procedimento e simplificou o acesso dos assentados ao financiamento. Com o Decreto, ainda em 2018, o Incra pretende contratar 5 mil novas moradias, além de 30 mil operações nas demais modalidades.

Segundo Weverton Cardoso, que é  do diretor Nacional de Desenvolvimento do INCRA, conseguiu hoje um grande feito para a política de reforma agrária, do órgão e para o público assentado, com  o lançamento do plano safra da agricultura familiar, algo que o INCRA pouco participava no passado, e novamente volta efetivamente a operar,  como um importante avanço na política de crédito. “Mais que isso, retomamos e corrigimos um equívoco que foi a paralisação das construções de habitações feitas pelo INCRA, nos assentamentos, algo que sempre fizemos com excelência e que nos coloca ainda mais perto dos assentados e garante mais presenças nos assentamentos, contribuindo inclusive para a eficiente supervisão ocupacional dos mesmos. Fomos além disso, criamos novas modalidades, gerando novo estímulo aos servidores da casa, e ofertando aos assentados créditos diversificados, imprescindíveis a sua fixação no lote e desenvolvimento de suas atividades produtivas”. enfatizou Cardoso.

Marcos Nery, Chefe de Unidade Avançada Sul e Extremo Sul da Bahia do INCRA.

Para o Chefe de Unidade Avançada do INCRA no Sul e Extremo sul da Bahia, Marcos Nery, foi um ato realmente muito importante, e um novo marco, de uma gestão comprometida com a política que executa, atuando como formulador e executor ao mesmo tempo, dando conta do recado, mesmo em momento tão delicado da nossa economia. “Esse será sem dúvida um grande legado de todos nós, fruto de trabalho e dedicação da Diretoria de Desenvolvimento, e do do Presidente do Incra, Dr. Leonardo Góes, além do indispensável apoio parlamentar do Deputado Zé Silva e da bancada do Partido Solidariedade” Destacou Marcos.

Fonte: Ascom