WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

academia vip

dezembro 2017
D S T Q Q S S
« nov    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  


:: ‘_destaque1’

Fórum de Educação indígena da Bahia discute os desafios em Ilhéus

Teve início na terça (22), a oitava etapa do Fórum de Educação Indígena da Bahia (FORUMEIBA),  na Aldeia Acuípe de Baixo em Olivença, Ilhéus, no Centro Cristão de Recriação (CECRE), e termina hoje (sexta), (24). Durante o evento mais de 700 indígenas entre cacique, lideranças e professores indígenas de toda a Bahia, discutem além da educação indígena e seus desafios, debatem a  saúde, políticas publicas, direito indígena, dentre outros assuntos além de apresentações culturais e venda de artesanato. Também conta com a participação de várias autoridades das esferas municipal estadual e federal, e parlamentares. :: LEIA MAIS »

Emenda Parlamentar: Deputado beneficia comunidades indígenas com emenda de meio milhão

O Deputado Federal Lindomar Garçon, garantindo a sustentabilidade as comunidades indígenas de Rondônia.

Em audiência com o Presidente da Fundação Nacional do Índio (FUNAI), General Franklimberg Ribeiro de Freitas, o Deputado Federal Lindomar Garçon (PRB-RO), entregou uma emenda parlamentar no valor de R$ 500.000,00 (Quinhentos mil reais) para apoiar as ações das comunidades indígenas do estado de Rondônia. A emenda destinada é impositiva (Nº 24200004), e visa garantir mais qualidade de vida à população indígena.

A iniciativa foi vista com bons olhos pelos povos indígenas de todo o Brasil. Na Bahia, o coordenador geral do Movimento dos Povos Indígenas da Bahia (Mupoiba), Kahû Pataxó, elogiou a atitude do deputado e disse essa iniciativa deveria se torna uma alternativa para soluções de  parte das demandas dos indígenas, desta forma avançando e superando as dificuldades enfrentadas pelos indígenas, nas barreiras de acesso as políticas pública, “essa é uma das ferramentas para superar o preconceito institucional e conquistar melhorias” destacou o Pataxó.

Lindomar Garçon garantiu que vai entregar alguns tratores agrícolas para as comunidades em diversas localidades do estado. “Vamos tentar diminuir o sofrimento da população indígena. Podem contar comigo! Estou com as portas abertas para atender nossas etnias,” finalizou Lindomar Garçom.

Protesto: ‘Nós continuaremos lutando’, diz índio Waiãpi contra invasores na Amazônia

Equipe da Agência France Press acompanhou protesto de tribo. Renca tem 2,3 milhões de hectares no Amapá com alto potencial de ouro e outros metais preciosos.

 Eles aparecem silenciosamente, aparentemente do nada: uma dúzia de figuras, nuas, exceto pelas tangas vermelho vivo, bloqueando a estrada de terra. São os Waiãpi, uma antiga tribo que vive na Amazônia brasileira, que agora teme a invasão de empresas mineradoras internacionais. Conduzindo os repórteres da AFP para um pequeno assentamento de cabanas de palha escondidas entre folhagens, os membros da tribo pintados com tinta vermelha e preta se comprometem a defender seu território. E brandem arcos de dois metros e flechas para reforçar suas palavras. “Nós continuaremos lutando”, diz Tapayona Waiãpi, de 36 anos, no assentamento chamado Pinoty. “Quando as empresas vierem, continuaremos resistindo. Se o governo brasileiro enviar soldados para matar pessoas, continuaremos resistindo até o último de nós estar morto”.

:: LEIA MAIS »

BA: Movimento Indígena dialoga pautas com a SJDHDS

Reunião anual dos povos Indígena da Bahia (Mupoiba), com a secretaria de Justiça Social do Estado.

Representantes da Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SJDHDS), de Educação (Sec), Desenvolvimento Rural (SDR) e do Movimento Unido dos Povos Indígenas da Bahia (Mupoiba) reuniram-se, na manhã desta terça-feira (17), com o titular da SJDHDS, Carlos Martins, em mais uma reunião para tratar de demandas referentes às questões indígenas.

O foco da primeira pauta foi o edital oriundo do Projeto Bahia Produtiva, que destinará, através do Banco Mundial, R$ 9 milhões à causa indígena. De acordo com o assessor especial da SJDHDS, Yulo Oiticica, o edital é importante para a luta dos povos indígenas da Bahia e reforçará, especialmente, as ações do Conselho Estadual dos Direitos dos Povos Indígenas (Copiba), órgão vinculado à Secretaria de Justiça. Graças aos recursos, as manifestações indígenas nas regiões norte, oeste, sul e extremo sul do Estado ganharão mais espaço e visibilidade. O lançamento do edital ainda está em processo de aprovação final. :: LEIA MAIS »

Embaixador de Cuba recebido em aldeia pelo movimento indígena na Bahia

A Cacique Valdelice Tupinambá o Embaixador Rolando Gomes e Walney Magno, na aldeia Itapoan em Ilhéus

a comunidade indígena Tupinambá de Olivença recebeu  a visita do embaixador de Cuba, Rolando Gomes, no último dia 16, acompanhado da consul Geral de Cuba para o Nordeste, Laura Pujol, e uma comitiva composta por ministro e conselheiros da embaixada, com membros da Coordenação Nacional Brigada Médica de Cuba, mas representante da OPAS na bahia, com o objetivo de conhecer e dialogar com o movimento indígena da bahia (MUPOIBA),  sobre ações e atuação do programa “Mais Médicos” nas aldeias. :: LEIA MAIS »

Igualdade Racial: Ilhéus formaliza adesão ao Fórum de Gestores

Os Povos Tupinambá de Olivença, fizeram uma homenagem a secretária da Sepromi, Fábia Reys, na adesão ao Fórum de Gestores da Igualdade Racial da Bahia em Ilhéus.

Representações do movimento negro, capoeiristas, segmentos indígenas e de terreiro prestigiaram a adesão do município de Ilhéus ao Fórum de Gestores Municipais de Promoção da Igualdade Racial da Bahia, ato realizado na noite desta segunda-feira (11). Com a cooperação, formalizada entre o Governo do Estado e a prefeitura local, serão intensificados compromissos para a implementação das políticas públicas com recorte étnico-racial e garantia dos direitos dos povos e comunidades tradicionais que compõem a população ilheense. :: LEIA MAIS »

ONU: Dez anos após declaração internacional, indígenas sofrem exclusão, desrespeito e assassinatos

Relatora especial das Nações Unidas sobre os direitos dos povos indígenas, Victoria Tauli-Corpuz, durante reunião na Serra do Padeiro. Foto e Texto: ONU

Em seu décimo aniversário, a Declaração das Nações Unidas sobre os Direitos dos Povos Indígenas enfrenta sérios obstáculos para proteger populações tradicionais em todo o mundo.

Segundo a relatora especial da ONU para os direitos dos povos indígenas, Victoria Tauli-Corpuz, a expansão das indústrias extrativistas, do agronegócio e dos ‘megaprojetos’ de desenvolvimento e infraestrutura que invadem as reservas ainda permanecem como as principais ameaças para a maioria dos povos indígenas. Em seu décimo aniversário, a Declaração das Nações Unidas sobre os Direitos dos Povos Indígenas enfrenta sérios obstáculos para proteger populações tradicionais em todo o mundo.

:: LEIA MAIS »

UNICEF promove seminário no Acre sobre educação e saúde de jovens indígenas

Foto: Divulgação/Secom/Arquivo W&M

Para discutir desafios enfrentados pelos jovens indígenas do Brasil, o Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) promove na sexta-feira (14), em Cruzeiro do Sul, no Acre, o Seminário Atenção à Criança e ao Adolescente Indígena no Selo UNICEF – Edição 2017/2020. Evento abordará estratégias para reduzir a mortalidade, a desnutrição infantil e o sub-registro civil de nascimento, além de debater iniciativas para melhorar a educação das crianças e adolescentes. :: LEIA MAIS »

BA – Dez anos da Política de Desenvolvimento dos Povos e Comunidades Tradicionais

O Cacique Babau, presidente de honra do Mupoiba (ao centro) foi destaque na audiência.

Os dez anos da Política Nacional de Desenvolvimento Sustentável dos Povos e Comunidades Tradicionais foram o destaque da sessão especial na Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA), realizada na quinta-feira (23). A ação foi proposta pelo deputado estadual Bira Corôa, reunindo representações dos segmentos tradicionais, lideranças políticas, do movimento negro, movimento indígena, entidades da sociedade civil, de secretarias e órgãos do poder público. O Presidente de Honra do Movimento Indígena da Bahia (Mupoiba) participou do evento. :: LEIA MAIS »

Povos indígenas se reúnem em assembleia na capital baiana

assembleia-33
A assembleia estadual dos povos indígenas na Bahia.  Ascom/Sdr

Povos e organizações indígenas, de toda a Bahia, estão reunidos, até a próxima quarta-feira (07), na 3ª Assembleia Geral do Movimento Unido dos Povos Bahia (Mupoiba), com o tema Mupoiba na Defesa dos Territórios Tradicionais Indígenas. A abertura do evento, iniciado com o Toré ou Awê – rito indígena -, foi realizada nesta segunda-feira (05), no Centro de Formação da Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), com a presença de mais de 150 lideranças indígenas, do titular da SDR, Jerônimo Rodrigues e do secretário de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SJDHDS), Geraldo Reis. :: LEIA MAIS »



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia