WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

secom bahia

saude governo da bahia

embasa
março 2021
D S T Q Q S S
« fev    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  


:: ‘_destaque1’

Deputada Joênia Wapichana realizou curso sobre Orçamento da União

joenia
A deputada federal Joenia Wapichana (REDE-RR), realizou no dia (26), um curso básico sobre orçamento da União, para membros de organizações indígenas e representantes de órgãos públicos.

O curso, ministrado pelo consultor em Orçamento Público, Pedro Duarte, contemplou informações básicas sobre orçamento, abrangendo Plano Plurianual (PPA), Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e Lei Orçamentária Anual (LOA), repasses constitucionais (Fundeb, PNAE, saúde), tipos de recursos (custeio, investimento), despesas da União (emenda de relator, emenda individual, bancada), dentre outros relacionados ao tema.

:: LEIA MAIS »

BA: Secretário Jerônimo apresentou plano de retomada das aulas na rede estadual de ensino

JERONIMO 2

Clique AQUI e confira no vídeo, o que  foi perguntado ao secretário sobre as ações que acontecerão nas escolas indígena da Bahia, pelo jornalista Walney Magno da TVI/BAND, e do Blog Povos Indígenas

Jerônimo Rodrigues, detalhou o plano de retomada das aulas na rede estadual de ensino, em entrevista coletiva virtual nesta quarta-feira (24). Na oportunidade o secretário respondeu algumas perguntas feitas pelo jornalista indígenas Walney Magno da TVI/BAND, e do Blog Povos Indígenas, sobre as ações que aconteceram nas escolas indígena da Bahia, que você Confire no vídeo acima.

:: LEIA MAIS »

TSE decide este mês se cacique Marcos assume prefeitura de Pesqueira, em Pernambuco

o-cacique-marcos-lider-dos-xukuru-e-filho-do-cacique-xicao-que-foi-assassinado-em-1998-1589896661469_v2_900x506

O cacique é o primeiro indígena eleito para o cargo na história da cidade, que tem 15% da população composta pela etnia

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) deve decidir, ainda em fevereiro, se o líder indígena Marcos Xukuru assumirá ou não o cargo de prefeito de Pesqueira, no agreste pernambucano, para o qual foi eleito nas eleições municipais de 2020. Em 2015, o cacique Marcos Xukuru foi condenado, sem provas, por um incêndio na cidade. A defesa do  prefeito eleito alega, contudo, que Lei da Ficha Limpa não inclui situações do tipo. :: LEIA MAIS »

BA: Ilhéus ultrapassa marca de oito mil vacinados contra a Covid-19

{E7DEC2EA-CAB1-524A-B0BE-462E5C1DC88A}_450X650

O plano de vacinação contra a Covid-19 em Ilhéus chega à quarta semana de campanha com 8.128 imunizados. Segundo o balanço divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde (Sesau), 707 pessoas que integram os grupos prioritários foram vacinadas entre os dias 8 e 12 de fevereiro.

Na próxima terça-feira (16), a Sesau começará a aplicação da segunda dose do imunizante da Coronavac para aqueles que receberam a primeira dose no dia 19 de janeiro, conforme estabelecido pelo cronograma. As vacinas são reservadas exclusivamente para a aplicação da segunda dose, logo, ainda não há previsão para início do ciclo de imunização de novos grupos. :: LEIA MAIS »

Puxada do Mastro de Olivença com cerimônia simbólica em homenagem à São Sebastião

Lideranças indígenas realizam dança em homenagem ao padroeiro local

*Walney Magno

Aconteceu neste sábado (09/01) em Olivença a celebração de abertura em homenagem à São Sebastião, de forma simbólica por conta da pandemia do coronavírus, que dá início a Puxada do Mastro de Olivença, realizada em Ilhéus.

Em reconhecimento a importância sociocultural e tradição religiosa e indígena, a Associação dos Machadeiros de Olivença (AMAO), em parceria com a Prefeitura, homenageou o padroeiro de Ilhéus simbolicamente, com um número limitado de pessoas, exigência e rigor em respeito às medidas preventivas contra a Covid. :: LEIA MAIS »

PIRIPKURAS: OS ÚLTIMOS, ISOLADOS

tamandua-e-baita-sao-os-dois-ultimo-piripkura-isolados-na-ti-piripkura-1605142144957_v2_1920x1080

Símbolo de resistência, Piripkuras caminham para a extinção com dois últimos indígenas ocupando terra ameaçada

*MARCOS CANDIDO

A chuva cai uma vez ao ano na terra dos Piripkura. A seca entre maio e setembro é precedida pelas chuvas de outubro a março, que chegam em uma média de até 2.400 milímetros ao ano. Mas os Piripkura não dominam e nunca dominaram os números, as métricas. Sabem que os igarapés enchem d’água na chuva e é mais difícil pescar assim. O cacau e as castanhas são os principais alimentos o ano todo, mas na seca peixes como o cará, a traíra, são mais facilmente fisgados e abundantes nos igarapés. Também é mais simples caçar para comer, como espetar jacarés com lanças. :: LEIA MAIS »

Indígenas recorrem à medicina tradicional no tratamento contra a covid-19

O pajé Diakara Desano, da etnia desano, segura folhas que usará para fazer chá e tratar os doentes de sua comunidade, na periferia de Manaus (AM). Com a memória viva de outras epidemias, Diakara reivindica a valorização da sabedoria indígena. Foto de Christian Braga

Desassistidas pelo sistema de saúde, comunidades indígenas incorporam elementos de suas próprias culturas – como chás e benzimentos oferecidos por pajés – às técnicas médicas convencionais.

Por Gabi Di Bella. Fotos de Christian Braga

“Vou usar o benzimento tradicional e, desse jeito, vai curar mais rápido. Dito e feito, acertei”, é com essa resiliência que o pajé Ercolino de Jorge Araújo Alves, da etnia desana, explica como decidiu encarar a pandemia da covid-19 em sua comunidade, em São Gabriel da Cachoeira, no extremo noroeste do Amazonas. O pajé diz que recebe os ensinamentos de seu avô desde os 14 anos e que o ancião “aparece nos meus sonhos me dizendo o que fazer.”

:: LEIA MAIS »

Ação Bahia: Combate e prevenção ao coronavírus para povos e comunidades tradicionais

Essa semana o programa Ação Bahia – Povos Tradicionais, da TVI de Itabuna, teve como foco principal a pandemia do Covid-19. Através de vídeos gravados pelos participantes. Magnólia Gouveia que comanda o programa, exibiu depoimentos, informações e ações de prevenção ao coronavírus nas comunidades tradicionais do estado. Nesta edição o programa contou com a participação de lideranças dos povos tradicionais, dentre elas os caciques Juvenal Payayá, Valdelice Amaral Tupinambá, Zeca Pataxó, o médico Indígena Vazigton Guedes, a liderança Quilombola José Ramos, o cantor Calinhos Brown, além do deputado estadual Marcelino Galo, e do deputado federal Afonso Florence. Confira clicando no vídeo acima.

Urgente: Comunidades indígenas são isoladas para evitar covid-19

A cacique Valdelice Tupinambá vai cobrar o isolamento de todas as comunidades com critérios rígidos de entrada, para evitar a disseminação do novo coronavírus.

Governo federal lançou nesta segunda-feira pacote de medidas para conter disseminação do coronavírus entre grupos vulneráveis

O governo federal anunciou o isolamento de todas as comunidades indígenas no Brasil, com critérios rígidos de entrada, para evitar a disseminação do novo coronavírus entre essa população.

Em entrevista coletiva, na tarde desta segunda-feira (13), o ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, falou que as recomendações já vinham sendo aplicadas por orientação da Funai.

“Essa estratégia em relação à população indígena passa, evidentemente, pelo isolamento das comunidades. Isso foi iniciado desde logo, recomendações normativas, principalmente, da Funai, para que visitações – a não ser em casos excepcionais – fossem permitidas.”

Índios retiram garimpeiros Raposa/Serra do Sol

Ação de retirada pacifica foi realizada por comunidades indígenas. Foto: Divulgação/Ascom CIR

Devido à contaminação de rios, lagos e igarapés pela prática ilegal de garimpo que se instalou no rio Cotingo, próximo ao igarapé Samaúma, lideranças realizaram  dia 01 de abril a retirada de garimpeiros e apreenderam todo material utilizado na atividade ilegal.

:: LEIA MAIS »



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia