WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

embasa sesab bahia

outubro 2020
D S T Q Q S S
« set    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031


:: ‘Notícias’

Governo de MS provoca aglomeração para lançar obra em aldeia indígena

Imagem mostra aglomeração de políticos em aldeia indígena de Aquidauana. (Governo do Estado).

Clima eleitoral em plena pandemia de coronavírus surpreendeu moradores na Aldeia Taunay

Assim como a maioria da população sul-mato-grossense, os políticos também não estão pensando em isolamento social, pois se aglomeraram em um evento do Governo do Estado na manhã desta quinta-feira (2). O lançamento de obras ocorreu em Aquidauana, na aldeia indígena de Taunay.

Nas imagens, é possível ver vários indígenas, lideranças do PSDB e deputados federais aglomerados. O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) não aparece nas imagens, mas o líder tucano Sérgio de Paula e o braço direito do governador, secretário de Governo, Eduardo Riedel, e o secretário de Fazenda, Felipe Mattos foram ao evento, assim como anunciado pela assessoria do governo.

MS: Estado deverá compensar índios por duplicação da 156

w

Seguindo parecer do Ministério Público Federal (MPF), o Tribunal Regional Federal da 3ª Região (TRF3) manteve decisão que determinou que o governo de Mato Grosso do Sul compense os índios das aldeias Jaguapiru, Bororó e Panambizinho, por conta dos prejuízos provenientes da duplicação da rodovia MS-156, que corta trechos da Reserva Indígena de Dourados. Segundo ação civil pública do MPF, as obras de duplicação foram executadas sem a devida atenção às medidas de compensação previstas nos estudos antropológicos e ambientais, encomendados pelo próprio governo do estado. A ação havia sido julgada procedente pela 2ª Vara Federal de Dourados em 2018, levando o estado do Mato Grosso do Sul a recorrer. :: LEIA MAIS »

Pacientes em recuperação destacam a eficiência do atendimento no HRCC

IMG-20200424-WA0067(2)

Exclusivo para usuários do Sistema Único de Saúde (SUS), integrante da rede da Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab), o Hospital Regional Costa do Cacau (HRCC), em Ilhéus, segue com atendimentos, de Urgência e Emergência, com o objetivo de oferecer os melhores serviços de saúde pública na assistência hospitalar. :: LEIA MAIS »

BA: Secretaria da Educação do Estado promove caminhada virtual para celebrar o 2 de Julho

20180702_080803-678x381

O Desfile do Dois de Julho, este ano, não será presencial pelas ruas do Centro Histórico de Salvador, como rege a secular tradição, por conta da pandemia do novo Coronavírus. Mas o evento que marca a comemoração da Independência da Bahia será representado pela caminhada virtual “2 de Julho: o herói e o povo”, que a Secretaria da Educação do Estado (SEC) promoverá às 10h30 desta quinta-feira (2). A programação, que poderá ser conferida no Canal Educação Bahia (youtube.com/educacaobahia1), contará com a participação de pesquisadores e educadores baianos, abordando temas como a independência e seus significados, legado e personagens. :: LEIA MAIS »

Covid-19: Nos quilombos, coronavírus mata um por dia

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Lideranças históricas estão entre as mais de cem mortes e quase mil infectados. Quilombolas também relataram racismo na busca de testagem e atendimento

Por Texto: Rafael Oliveira | Infográficos: Bruno Fonseca

Nos quilombos da região dos Lagos, no Rio de Janeiro, a Covid-19 fez vítima uma das mais importantes figuras quilombolas do estado, região que lidera as mortes entre quilombolas no país: 36 óbitos. “Dona Uia era uma biblioteca viva, era a grande liderança que lutava pela questão territorial. Uma mulher honesta, sincera, que ganhou credibilidade e as comunidades começaram a reivindicar seus direitos”, conta Jane Oliveira, sobrinha de Carivaldina Oliveira da Costa, a dona Uia. Ela deixou seis filhos, oito irmãos e sua mãe, Dona Eva, a matriarca de 110 anos do Quilombo da Rasa, com quem compartilhava as histórias, os cantos e a memória. Eva, que ainda não sabe da morte da filha, foi testada e o resultado para Covid-19 foi negativo. :: LEIA MAIS »

SAC do Hospital Regional Costa do Cacau desenvolve atividades e amplia o atendimento humanizado

SAC HRCC atendimento (3)

Mesmo com algumas restrições impostas pela pandemia do novo coronavírus, o Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC) do Hospital Regional Costa do Cacau (HRCC), em Ilhéus, continua com suas atividades de apoio e pesquisas, por demanda, com o objetivo de sinalizar para os setores sugestões que possam melhorar o atendimento humanizado na unidade hospitalar. :: LEIA MAIS »

SE: UFS fará testes sorológicos da covid-19 em índios Xocós

C
A Universidade Federal de Sergipe (UFS) realizará na manhã da próxima quinta-feira, 2, o teste sorológico para a identificação de anticorpos do novo coronavírus em 200 índios da tribo Xocó, localizada no povoado Ilha de São Pedro, no município de Porto da Folha, Alto Sertão do Estado. A iniciativa é uma parceria entre a UFS e o Governo do Estado de Sergipe, por meio da Secretaria Estadual de Saúde.

:: LEIA MAIS »

Energia elétrica aumenta produção de farinha em aldeia indígena de Belmonte

Aldeia de origem Tupinambá também pode armazenar leite, segundo produto mais importante da tribo

Imagine depender da luz do dia para poder fazer suas atividades. Ter de dormir mais cedo, não ter água de qualidade, não poder guardar comida na geladeira. Não ter internet ou televisão. Ou até mesmo não ter onde armazenar a insulina, que diminui a quantidade de açúcar no sangue e é usada para tratar a diabetes.

Era assim que a aldeia indígena Patiburi, em Belmonte, no extremo sul do estado, vivia até dois meses atrás. Com a chegada da energia elétrica, houve uma transformação na tribo, que é de origem Tupinambá. A comunicação com a cacique Cátia, por exemplo, feita por Whatsapp, seria impossível antes da instalação desta tecnologia. :: LEIA MAIS »

Funai gastou R$ 8 com cada indígena em ações de combate à pandemia Nos últimos 114 dias, órgão investiu apenas R$ 6,6 mi. Para indígena, baixo valor indica “política genocida” do governo

Valor destinado pela Funai para o combate ao coronavírus representa apenas 1,18% do orçamento do órgão – Foto: Igor Carvalho

Nos últimos 114 dias, desde a confirmação do primeiro caso de coronavírus no Brasil, a Fundação Nacional do Índio (Funai) gastou apenas R$ 6,6 milhões em medidas para proteger a população indígena da doença. O valor corresponde a 1,18% do orçamento anual da entidade, que é de R$ 507 milhões. Os dados foram obtidos pelo Brasil de Fato via Lei de Acesso à Informação (LAI). :: LEIA MAIS »

SECRETARIA DA EDUCAÇÃO E UESC ALINHAM PESQUISA SOBRE A COVID-19 A PARTIR DOS TESTES NAS ESCOLAS DO SUL DA BAHIA

WhatsApp Image 2020-06-26 at 19.53.22

As testagens para o coronavírus, realizadas nas escolas estaduais nos municípios de Itajuípe, Uruçuca e Ipiaú, serão utilizadas em pesquisas da Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc), em Itabuna. A iniciativa foi solicitada pela Secretaria da Educação do Estado à universidade, com o objetivo de contribuir no combate e na prevenção à pandemia. A pesquisa será realizada a partir da coleta de dados, que vai estabelecer um parâmetro amostral do padrão imunológico dos estudantes, professores e funcionários testados nas unidades escolares.

:: LEIA MAIS »



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia