WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

policlinica itabuna


outubro 2019
D S T Q Q S S
« set    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  


Ilhéus: Indígena toma posse no conselho de saúde

O representante indígena no Conselho municipal de Saúde, Cláudio Magalhães, recebe o certificado na solenidade de posse. Foto: Divulgação

Na tarde da quinta-feira dia 10, em solenidade na Câmara Municipal de Ilhéus, o indígena Cláudio Magalhães, tomou posse no conselho municipal de saúde de Ilhéus, representando o Instituto dos Povos Indígenas da Bahia, naquele colegiado para o biênio de 2019/2021.

A cerimônia de Posse Oficial dos novos membros do Conselho Municipal de Saúde, aconteceu com as presenças do vice-prefeito José Nazal, secretário Municipal de saúde Geraldo Magela e do vereador Makrisi Sá, representantes dos órgãos do poderes público municipal. :: LEIA MAIS »

Pequenos agricultores de Ilhéus recebem certificados rurais

O diretor da Sema, Maurício Galvão e o representante da prefeitura, Gabriel Bitencourt,  fizeram a  entrega do certificado em Ilhéus.

Nesta segunda-feira (7), um total de 573 certificados do Cadastro Estadual Florestal de Imóveis Rurais (CAR/Cefir) foi entregue no município de Ilhéus, no Litoral Sul da Bahia. A entrega foi realizada pelo diretor de Políticas para Biodiversidade e Florestas da Secretaria do Meio Ambiente (Sema), Maurício Galvão, que representou o secretário João Carlos Oliveira.

Pela manhã, os certificados foram entregues a 400 pequenos produtores, no Teatro Municipal de Ilhéus. “Esse certificado chegou em boa hora, quem é que vai dizer que a terra não é minha? O governador Rui Costa tem olhado para o povo como ninguém nunca olhou”, destacou o agricultor José Andrade da Cruz. :: LEIA MAIS »

Indígenas ocupam Quito na véspera de protesto contra um governo encurralado

QUITO

Milhares de indígenas se concentram nesta terça-feira (8) em Quito, na véspera de um grande protesto contra o presidente equatoriano Lenín Moreno que, encurralado, ofereceu diálogo aos manifestantes, aos quais chamou de “irmãos”.

“Há diálogo para os irmãos indígenas, que lastimavelmente têm necessidades, e nisto estamos de acordo”, disse o presidente à imprensa em Guayaquil, para onde transferiu a sede do governo devido devido à mobilização prevista para a quarta-feira.

Na sede do governo regional, onde está despachando, o presidente afirmou que “há um dinheiro que vai deixar de ser gasto, que é o que gera a eliminação do subsídio à gasolina”. :: LEIA MAIS »

Porto Seguro: Secretaria de Assuntos Indígenas sela acordos para beneficiar comunidades

zeca

O Secretário Zeca Pataxó, reafirma a parceria da Veracel com as comunidades indígenas de Porto Seguro.

Sempre buscando formas de valorizar a comunidade indígena, a Prefeitura de Porto Seguro, por meio da Secretaria de Assuntos Indígenas, selou novos acordos e parcerias para continuidade de projetos que melhoram a vida do povo pataxó.

Para tratar de assuntos relevantes para as comunidades do município, no dia 04/10, o secretário Zeca Pataxó participou de reunião com o presidente da Veracel Celulose, Andreas Birmoser; o diretor de Sustentabilidade e Relações Corporativas da empresa, Renato Carneiro e as diretoras da Etno consultoria, Eunice Brito e Karina Christo. :: LEIA MAIS »

Ilhéus: Ação Tupinambá de Olivença executará projeto de combate ao trabalho infantil indígena

A Procuradora do Trabalho, Bradiane Ribeiro Farias, ressaltou a responsabilidade e importância da ação nas comunidades indígenas.

O Projeto Educacional de Segurança Alimentar para Erradicação do Trabalho Infantil Indígena foi lançado no dia (03/10), no distrito de Olivença, em Ilhéus, no sul da Bahia. A iniciativa conta com um investimento de cerca de R$ 350 mil reais do Fundo de Promoção do Trabalho Decente (Funtrad) e Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte.O projeto terá duração de 15 meses e vai promover intervenções educacionais, nutricionais e de lazer em cinco aldeias Tupinambá da região: Itapuã, Ygalha, Tupã, Olho d’Água e Acuípe de Cima. Serão beneficiadas, diretamente, 200 crianças e adolescentes, entre 6 e 13 anos. De forma indireta, 600 pessoas em situação de vulnerabilidade social serão contempladas.

:: LEIA MAIS »

Em Ilhéus: Pequenos Agricultores e Indígenas protestam contra a situação das estradas rurais

Manifestantes protestam contra situação de estradas rurais e bloqueiam tráfego

o Moradores das localidades da Sacupaeira e Sataninha na zona rural de Olivença em Ilhéus, fizeram manifestação de protesto hoje (07) devido as péssimas condições das estradas vicinais na Ponte Lomanto Junior, que liga o centro ao bairro do Pontal. A concentração dos pequenos agricultores e indígenas gerou uma manifestação que bloqueou o trânsito impedindo a passagem de veículos. :: LEIA MAIS »

Leilão de petróleo em Abrolhos vira ‘jogo de empurra’ entre justiças da Bahia e DF

Farol da Santa Bárbara, visto da ilha Siriba, em Abrolhos – Foto: Site Catraca Livre

A decisão judicial que pode retirar ou confirmar o leilão de quatro blocos de petróleo localizados numa área próxima ao Parque Nacional de Abrolhos, no litoral baiano, virou um verdadeiro “jogo de empurra” entre as varas federais da Justiça da Bahia e do Distrito Federal.

No dia 24 de setembro, o juiz federal substituto da 21ª Vara Federal do Distrito Federal, Rolando Valcir Spanholo, havia determinado que uma ação popular movida pelos senadores Fabiano Contarato (Rede-ES) e Randolfe Rodrigues (Rede-AP) – na qual pedem a exclusão dos blocos do leilão marcado para o próximo dia 10 – deveria ser enviada para a Justiça Federal da Bahia, para que fosse analisada em conjunto com outra ação, esta movida pelo Ministério Público Federal baiano. :: LEIA MAIS »

Sínodo: Indígenas, ONU e Cimi debaterão violações de direitos e demarcação de terras indígenas

Na faixa, mensagem denuncia o roubo, devastação e invasão das Terras Indígenas. Foto: Guilherme Cavalli/Cimi Por Guilherme Cavalli, da Assessoria de Comunicação Cimi

Evento simultâneo ao Sínodo, que acontece em Roma, debaterá na próxima segunda-feira (07) a realidade brasileira de violência contra os povos indígenas, seus direitos e territórios.

Na próxima segunda-feira (07) evento organizado pelo Conselho Indigenista Missionário (Cimi) levará ao Vaticano a conjuntura do Brasil e a paralisação nas demarcações de terras indígenas. A mesa “Povos indígenas e luta pela terra: desafios, ameaças e resistências”, que acontece simultânea ao Sínodo da Amazônia, contará com a presença da relatora especial das Nações Unidas para direito dos Povos Indígenas, Victoria Tauli-Corpuz, do presidente do Cimi e bispo sinodal, dom Roque Paloschi, dos indígenas Adriano Karipuna (RO) e Jair Maraguá (AM) e Marline Dassoler, do secretariado nacional do Cimi. :: LEIA MAIS »

“Há genocídio em curso contra índios isolados,” dizem pesquisadores

inimigo-de-indio-e-inimigo-meu-foto-renato-soares-1-800x445.jpg.pagespeed.ce.k_I1Mhb_n0

*Jornal do Brasil

Um grupo de 14 indigenistas, indígenas e ex-coordenadores do setor da Funai voltado para a proteção a índios isolados divulgou neste sábado (5) uma carta aberta na qual repudia um “crime de genocídio em curso” em razão de “frequentes cortes e contingenciamentos”.

A carta critica a exoneração do indigenista Bruno Pereira do cargo de coordenador da área na Funai, ocorrida “sem motivos técnicos aparentes”. O ato de exoneração de Pereira do cargo foi assinado pelo secretário-executivo do ministério comandado pelo ex-juiz federal Sérgio Moro (Justiça e Segurança Pública) e divulgado nesta sexta-feira (4) no Diário Oficial da União.

:: LEIA MAIS »

PA: Índios e quilombolas resistem à soja e aos ruralistas

RESISTENCIA
Vizinhos a Santarém, quatro aldeias e três quilombos enfrentam desmatamento e expansão da lavoura. Ruralistas, que fustigam comunidades há décadas, contratam “antropólogo” para contestar origem dos povos indígenas

Por Ciro Barros, na Agência Pública

“Esse barulho é porque eles estão trabalhando lá”, alerta à reportagem da Agência Pública o indígena Munduruku Paulo da Silva Bezerra, morador da aldeia indígena Açaizal, localizada na área do Planalto Santareno, zona rural de Santarém, Pará. Enquanto conta sua história, ele aponta para um vizinho de cerca, um grande fazendeiro da região. O contraste é imediato: a casa de Paulo é tomada pela mata e pela produção familiar (pés de graviola, mamão, pimenta-do-reino), a do vizinho é um mar de milho, o grão da vez na chamada “safrinha” do segundo semestre. :: LEIA MAIS »



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia