WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

embasa secom bahia
maio 2021
D S T Q Q S S
« abr    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  


:: mai/2021

O MONGE: Emoções marcaram o grande lançamento presencial do livro em Trancoso

jak
Foto: Jean Batista e Milton Guerreiro

Surpreendentemente, para o atual momento de pandemia em que estamos vivendo, a tarde de autógrafos do livro O Monge, do jornalista e escritor Jackson Domiciano, atraiu apreciadores de uma boa leitura, nomes do mundo da política e os colegas de imprensa ao Espaço de Festas Tradicionais do Quadrado de Trancoso, em Porto Seguro. O evento aconteceu nesta sexta-feira (14/05).

:: LEIA MAIS »

BA: Ação do Governo fortalece identidade e produção de alimentos do povo indígena Tumbalalá, em Curaçá

02

O povo Tumbalalá vive no município de Curaçá, às margens do Rio São Francisco. Lá moram cerca de 650 pessoas que vivem do trabalho com a agricultura irrigada, criação de caprinos, ovinos e aves. Culturalmente ainda fabricam peças artesanais como o maracá, pujá, arco, flecha, panela, moringa e potes.

Para impulsionar o desenvolvimento do território rural do povo indígena Tumbalalá, formado pelas comunidades de Cajueiro, Porto da Vila/Salgado, Missão Velha e São Miguel, o projeto Pró-Semiárido está realizando ações com enfoque na agroecologia, na segurança hídrica, alimentar e nutricional, equidade de gênero, geração e etnia, incrementando a produção e comercialização, na perspectiva da geração de trabalho e renda.

:: LEIA MAIS »

SP: Projeto viabiliza tour virtual por aldeia indígena

Foto: Thiago Carvalho

Presentes de norte a sul e de leste a oeste do Brasil, os povos indígenas possuem territórios originários também na cidade mais populosa do país. Em São Paulo, na região noroeste da capital, o Pico do Jaraguá abriga mais de mil indígenas da etnia Guarani Mbya e seis aldeias: Tekoa Ytu, Tekoa Pyau, Tekoa Ita Wera, Tekoa Itakupe, Tekoa Ita Edy e Tekoa Yvy Porã. :: LEIA MAIS »

APIB entra com uma representação criminal contra o presidente da FUNAI, no MPF

photo_2021-05-11-18.58.27-1080x675

A Articulação dos Povos Indígenas do Brasil (Apib) entrou, nesta terça-feira (11), com uma representação criminal contra o presidente da Fundação Nacional do Índio (Funai), Marcelo Xavier. O protocolo foi feito ao Ministério Público Federal (MPF) e pede que seja instaurado um inquérito solicitando a condenação de Xavier pelo crime de denunciação caluniosa.

Para a Apib, o presidente da Funai, que também é delegado da Polícia Federal (PF), cometeu crime quando utilizou o aparato do órgão indigenista para promover perseguição política contra a Apib e Sonia Guajajara, uma das coordenadoras executivas da organização. :: LEIA MAIS »

Moção de repúdio às declarações do presidente da Fundação Palmares

MOÇÃO

A Diretoria Executiva da Associação Bahiana de Imprensa, reunida na manhã do dia 12 de maio de 2021 discutiu e aprovou a presente moção de repúdio às declarações descabidas do atual presidente da Fundação Palmares, jornalista Sérgio Nascimento, para quem “parcela significativa dos jornalistas é usuária de cocaína” e que, por isso, a classe seria “defensora” de traficantes.

Além de leviana, a visão distorcida sobre a categoria da qual faz parte, busca justificar a ação mais letal das forças de segurança do Rio de Janeiro na comunidade do Jacarezinho, com 28 mortes confirmadas, incluindo a de um policial civil. :: LEIA MAIS »

Conflito armado de garimpeiros contra indígenas deixa baleados em terra yanomami

O conflito armado de garimpeiros contra indígenas deixou ao menos cinco pessoas feridas na comunidade de Palimiú, em Roraima, onde fica o território Yanomami. A informação é da Hutukara Associação Yanomami.  De acordo com a entidade, o confronto se deu quando, por volta das 11h30 desta segunda-feira, sete embarcações de garimpeiros atracaram na comunidade e deram início ao ataque contra os indígenas. Quatro garimpeiros e um indígena, de raspão, foram baleados.  Clique aqui  e assista um vídeo e veja como aconteceu.

:: LEIA MAIS »

BA: Rui entrega novo Complexo Esportivo Educacional e autoriza outras obras em Jequié

jeronimo e rui 1
O governador Rui Costa esteve em Jequié, nesta terça-feira (11), quando cumpriu uma agenda intensa de compromissos. Na ocasião, o chefe do executivo baiano entregou o Complexo Esportivo Educacional que contou com investimento de R$ 3,9 milhões e foi construído pela Secretaria da Educação do Estado. O complexo conta com campo society, pista de atletismo, quadra de voleibol de areia, pista de salto, vestiários, piscina e ginásio esportivo. :: LEIA MAIS »

Polêmica: “Não aceitamos Fake News!”, diz vereador Jerbson Moraes

W

O vereador e presidente da câmara de Ilhéus Jerbson Moraes (PDS), causou polêmica após fazer, no Instagram, diversos comentários a respeito do episódio do  cadeirante que quebrou vidros da câmara de vereadores de Ilheus em sua página na rede social, o vereador fez duras criticas a alguns órgãos de imprensa local, que trataram do assunto com “Chacota”, classifico Jerbson.  “Não vamos aceitar Fake News”, disse o vereador, afirmando que a câmara não têm nada haver com o ocorrido, e ainda salientou que estar tomando providencias legais.  Clique aqui e confira tudo que disse o vereador.

:: LEIA MAIS »

BA: Vereador Cláudio Magalhães solicita a requalificação da principal praça de Olivença, em Ilhéus

vereador indígena Cláudio Magalhães (PCdoB). Foto:W&M

O vereador indígena Cláudio Magalhães da etnia Tupinambá, solicitou para a Secretaria Municipal de Serviços Urbanos de Ilhéus, nesta semana, a requalificação urbanística, acessibilidade, iluminação e sinalização da praça que leva o mesmo nome que o seu no distrito de Olivença.

De acordo com o parlamentar, Olivença é um grande destino turístico e precisa que sua principal praça atenda aos anseios dos moradores, turistas e visitantes. “A situação atual é de abandono, tomada pelo mato, sem iluminação e sem lixeiras, servindo apenas como um ‘elefante branco’. Espero que o executivo municipal tenha sensibilidade e dê atenção devida para esse importante equipamento público”, disse Cláudio. :: LEIA MAIS »

Quem é o artista indígena que levou a cosmologia e a luta macuxi para os museus

Jaider Esbell: Sua trajetória já era política antes de ele se inserir no mercado de arte

Ele participa da Bienal de São Paulo deste ano e faz parte de uma geração de indígenas que entraram no circuito de arte recentemente

O jenipapo tomou conta da galeria Millan, em São Paulo, numa exposição durante a pandemia. Nas 60 obras que o artista Jaider Esbell apresentou em “Ruku”, o cerne era essa planta fundamental para a cosmologia macuxi. Ela está na série “Jenipapal”, de 2020, formada por grandes tecidos pintados com a tinta natural da planta. E sua árvore aparece carregada de frutos na pintura de fundo preto “A Descida do Pajé Jenipapo do Reino da Medicina”.

:: LEIA MAIS »



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia