AGNALDO E LULA SITE

O coordenador do Mupoiba Agnado Pataxó ao lado do presidente Lula.

Agnaldo Pataxó hã-hã-hãe, liderança nacional indígena e coordenador geral do Movimento de Povos e Organizações Indígenas da Bahia (MUPOIBA), foi empossado como membro do Conselho Nacional de Política Indigenista (CNPI). O ato de posse aconteceu durante a 1ª Reunião Ordinária do CNPI, no Salão Negro do Palácio da Justiça, em Brasília, na última quarta-feira (17).

Na oportunidade o presidente Lula participou da reunião de retomada do Conselho Nacional de Política Indigenista (CNPI) e assinou decretos que homologaram duas novas Terras Indígenas (TI), junto à ministra dos Povos Indígenas, Sonia Guajajara, e ao ministro da Justiça e Segurança Pública (MJSP), Ricardo Lewandowski.

Dia-dos-Povos-Indigenas-Lula-780x470

Lideranças Pataxós de Porto Seguro posam para foto com o presidente Lula

Os dois territórios homologados são: TI Aldeia Velha, em Porto Seguro (BA), com 1.997,55 hectares e 320 famílias do grupo Indígena Pataxó, e a TI Cacique Fontoura, em Luciara e São Félix do Araguaia (MT), com 32.304,7 hectares e cerca de 489 indígenas do grupo Karajá.

agnaldo toma posse

Para Agnaldo Pataxó, o ato marcou um momento de grande importância para os povos indígenas do Brasil, simbolizando a retomada do diálogo entre o governo e as comunidades indígenas após um período de inatividade do conselho “esse é um momento de muito orgulho para mim e todos os povos indígenas do Brasil, pois assumir uma representação no Conselho Nacional de Política Indigenista (CNPI), depois de um longo tempo, é motivo de celebrar os avanços e conquistas das lutas de nosso povo” enfatizou Agnaldo Pataxó.

Da Bahia além de Agnaldo Pataxó, que é o titular da representação no colegiado, o Cacique Giba Tuxá e a liderança indígena Patrícia Pancararé, assumiram também as respectivas suplências  no CNPI.

Da redação