WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

secom bahia


março 2020
D S T Q Q S S
« fev    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031  


Médico que trabalha com comunidade indígena da Amazônia testa positivo para coronavírus

No Rio, pesquisadores do Instituto de Biologia da UFRJ desenvolvem um novo teste para diagnosticar o novo coronavírus. Foto: LUCAS LANDAU / REUTERS

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O médico, que não foi identificado, voltou de férias em 18 de março para trabalhar com os Ticunas, uma etnia de mais de 30 mil pessoas que vive na Amazônia, perto das fronteiras com a Colômbia e o Peru. Ele teve febre no final daquele dia e se isolou, dando positivo para a doença respiratória Covid-19 uma semana depois, de acordo com o ministério.

:: LEIA MAIS »

Coronavírus “Precisamos usar a racionalidade, fiquem em casa”, reforça ministro Mandetta após retirada de propaganda do governo federal

MANDETA

O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, fez duras críticas às ações de governantes e da população que tem mantido uma rotina normal diante das recomendações para que fiquem em casa. Em entrevista coletiva, na tarde deste sábado (28), Mandetta reforçou: precisamos usar a racionalidade, fiquem em casa. “Não vamos nos mover por impulso, precisamos nos manter em casa. Vamos dar atenção e ouvir o que diz a ciência, os técnicos da saúde”, disse.

:: LEIA MAIS »

“Fica em Casa”: Funcionários do Hospital Regional Costa do Cacau aderem ao movimento

HRCC_movimento fica em casa (3)

Diversas organizações de saúde, instituições científicas e profissionais da área médica convergem sobre a recomendação de que, a maneira mais adequada para contenção do avanço do novo coronavírus (COVID-19), no momento, é o isolamento social. Diante dessa realidade, profissionais do Hospital Regional Costa do Cacau (HRCC), em Ilhéus, aderiram ao movimento “Fica em Casa”.

Essa campanha espontânea adotada por trabalhadores da área de saúde de todo o Brasil traz pedidos como “por favor, fiquem em casa por todos nós”, “você e sua família, fiquem em casa por nós, estamos aqui por vocês”, “por você, por sua família, por todos nós, fiquem em casa”, entre outros apelos. A cada dia esse movimento ganha mais forças nas redes sociais com o #ficaemcasa. :: LEIA MAIS »

QUARENTENA: Índios de Bertioga pedem ajuda

Foto: Raphael Campos

 Terra Indígena Ribeirão Silveira pede doações de alimentos, produtos de higiene e de limpeza

Os índios da Terra Indígena Ribeirão Silveira, localizada entre as cidades de Bertioga e São Sebastião, estão enfrentando escassez de alimentos e produtos de higiene e limpeza.

A aldeia passa por dificuldades em decorrência da recomendação de quarentena para que não haja proliferação do novo coronavírus (Covid-19). Ao todo, 120 famílias indígenas vivem da venda do artesanato, da recepção de turistas e da venda do palmito pupunha.

O local está fechado desde o dia 19, após determinação da Fundação Nacional do Índio (Funai), que suspendeu as autorizações de entrada em terras indígenas por 30 dias. A medida foi adotada por meio da Portaria nº 419, de 17 de março de 2020.

:: LEIA MAIS »

Assistência Social: Câmara dos Deputados aprova auxílio de R$ 600 para pessoas de baixa renda durante epidemia

Foto: Michel Jesus | Câmara dos Deputados

O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou nesta quinta-feira (26) o pagamento de um auxílio emergencial por três meses, no valor de R$ 600, a pessoas de baixa renda, durante a Epidemia de Coronavírus.  O texto será analisado ainda pelo Senado. Inicialmente, na primeira versão do relatório, o valor era de R$ 500,00 (contra os R$ 200,00 propostos pelo Governo).

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse que o apoio do governo dá segurança de que a proposta será sancionada. “O governo sugeriu R$ 200 inicialmente, mas nós dissemos que menos de R$ 500 não aceitávamos”, destacou. “O importante neste momento é que o Congresso, junto com o governo, encontrou a solução. Isso nos dá certeza de que o projeto será sancionado após a aprovação do Senado, nos próximos dias”, completou. :: LEIA MAIS »

VÍDEO: Prevenção e Papel do AIS e AISAN na Pandemia

Covid-19: “Estamos com medo de ser dizimados”, diz Tupinambá Nice Gonçalves

A indígena Nice Gonçalves, do povo camuta tupinambá, do Tocantins (Foto: Neto Dugon)

Funai recua e refaz portaria sobre indígenas isolados; no Pará, MPF exige que órgão tome providências contra a covid-19

Por Catarina Barbosa

Povos indígenas foram dizimados por conta de doenças trazidas da Europa, sobretudo, no XVII. Em 2020, o medo de ter os parentes extintos toma conta das aldeias e comunidades indígenas. Na Bahia, uma pataxó está isolada com suspeita de ter sido infectada pela covid-19. A Fundação Nacional do Índio (Funai) afirma que não há nenhum indígena confirmado com a doença. O governo Bolsonaro, por sua vez, têm se mostrado ineficaz nas políticas de proteção.

Nice Gonçalves, 30 anos, é jornalista e ativista indígena da nação Tupinambá. Ela é da comunidade Rio- Tocantins, no baixo Tocantins, Guajará de Baixo, em Cametá, no nordeste do Pará. A indígena Tupinambá relata que um caso de suspeita de contágio pelo novo coronavírus tem levado preocupação para a população indígena da região. :: LEIA MAIS »

Plenário Virtual: Bancada do PT discute ações para o enfrentamento ao COVID-19

O deputado estadual Marcelino Galo, da bancada do Partido dos Trabalhadores

A bancada do PT na ALBA esteve reunida na tarde desta quarta-feira (25), de forma virtual, para discutir e deliberar ações que auxiliem o Estado no enfrentamento ao COVID-19. A liberação das emendas impositivas, para uso nas áreas social e de saúde pelo Governador Rui Costa, foi uma das deliberações. O objetivo é auxiliar nas ações de emergência sanitária e na garantia dos direitos sociais, como alimentação e renda. Outra deliberação é a participação da Assembleia Legislativa da Bahia no comitê de enfrentamento ao COVID-19 do governo estadual, para que o Legislativo possa contribuir nas medidas de combate ao coronavírus na Bahia. :: LEIA MAIS »

COVID-19: Canavieiras recebe doações de equipamentos do “SOS MANGUE MAR”

caption

O Grupo SOS MANGUE MAR CANES, no intuito de contribuir no combate a Pandemia do Novo Coronavírus, fez uma doação de Equipamentos de Proteção Individual  de Segurança (EPIS), a secretaria municipal de saúde de Canavieiras e para a Associação dos Agentes Comunitários de Saúde e Endemias.  Os equipamentos doados foram: Luvas, Máscaras e Macacões, que serão utilizados pelos profissionais de saúde que atuam na combate ao COVID-19 no município.

Esse equipamentos foram adquiridos pelo grupo SOS MANGUE MAR CANES, no período em que a iniciativa realizou ações emergenciais de contenção, limpeza de praias e manguezais em decorrência do derramamento de petróleo (Óleo ) que assolou o Nordeste em outubro de 2019.  Na oportunidade o grupo atuou nos municípios de Belmonte, Canavieiras e Una, retirando cerca de 40 toneladas de petróleo das praias e estuários na RESEX de Canavieiras. :: LEIA MAIS »

Serviço Social do Hospital Regional Costa do Cacau reforça informações sobre cuidados com o COVID-19

Na foto Maria das Graças dos Santos, assistente social do HRCC, que dialoga sobre o perigo da epidemia do novo coronavírus

O Serviço Social do Hospital Regional Costa do Cacau (HRCC), em Ilhéus, reforça as informações sobre os cuidados e a prevenção contra o novo coronavírus (COVID-19) durante abordagens de acolhimento direcionadas para acompanhantes e pacientes na unidade hospitalar.

Durante a semana passada, em ação conjunta com a Comissão de Humanização, o Serviço Social realizou atividades sobre a importância da proteção e prevenção contra o COVID-19, em diversos locais do hospital, como na Emergência, Ambulatório, Enfermarias e Recepção Social. :: LEIA MAIS »



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia