WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

academia vip


dezembro 2017
D S T Q Q S S
« nov    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  


BA: Povos indígenas Realiza Grande assembléia

ASSEMBLEIA-331

Os povos indígenas de todas regiões da Bahia, se reunirão nos dias 6, 7 e 8 deste mês para realizarem a sexta Assembleia Geral do Movimento Unido dos Povos e Organizações Indígenas da Bahia, promovido pelo Mupoiba. Com o tema principal “Mupoiba – Na luta pela posse dos  Territórios Indígenas”, cerca de 160 indígenas, entre cacique e lideranças, discutiram educação, Saúde, meio ambiente, desenvolvimento, território, judicialização e criminalização das lideranças indígenas da bahia. Na oportunidade farão uma avaliação sistemática dos avanços e dos desafios que enfrentarão nesse novo cenário político nacional.  Segundo o coordenador geral do movimento Kahu Pataxó, será necessária uma reflexão sobre a atuação do movimento para alinhar as ações e construir uma agenda para o ano de 2018. “Buscaremos discutir políticas pública para fortalecer a luta pelos nossos territórios”, frisou o Kâhu. As ações do movimento de forma organizada vem avançando na defesa dos povos indígenas da bahia, e consiguindo realizar sonhos. Para o cacique e secretário do movimento, Juvenal Payayá, os avanços são frutos da luta unida. ” O MUPOIBA é também considerado um instrumento de defesa da biodiversidade, e elemento chave das tradições indígenas” destacou Payayá. A assembleia acontecerá em salvador no centro de Treinamento da SDR.

Saúde Indígena: Nova portaria na atenção à saúde indígena ainda gera inseguranças

O Cacique Sival Sussuarana, participando do projeto ” Ação Saúde Indígena”, em Olivença, na parceria com o Ação Bahia

A falta de fiscalização das mudanças na atenção básica à saúde da população indígena é apontada como um entrave para que melhorias no atendimento, de fato, sejam implementadas no Sistema Único de Saúde (SUS). Por meio da Portaria nº 2.663, o Ministério da Saúde estabeleceu, desde outubro, novos critérios para o atendimento de indígenas em hospitais. A medida atende a antigas reivindicações do movimento indígena. Paulo Tupiniquim, coordenador da Articulação dos Povos e Organizações Indígenas do Nordeste, Minas Gerais e Espírito Santo aponta para a importância de a portaria ser levada à prática pelo poder público. “Se houver fiscalização, eu penso que os indígenas vão ter um avanço muito grande. Porque coisas que não podem ser feitas hoje, dentro do hospital, por essa portaria vão poder. Por exemplo, o Pajé poder ir lá fazer sua pajelância, um indígena escolher o seu próprio alimento, uma alimentação tradicional que é o hábito dele se alimentar.” Ao todo, foram estabelecidos 13 critérios de adequação no atendimento. Os hospitais que se adequarem também poderão receber, anualmente, até R$ 2,4 milhões do governo.Nova política prevê 13 critérios de adequação, entre eles, permitir pajelança e alimento tradicional em hospitais :: LEIA MAIS »

BA: Boas práticas de fabricação em agroindústria familiar reúne agricultores familiares

A Coordenação da Articulação da Agricultura Familiar de Canavieiras e Região, recebida pelo Secretario da SDR, Jerônimo Rodrigues, na VIII Feira Baiana de Agricultura Familiar.

Agricultores familiares, expositores representantes de cooperativas e técnicos responsáveis por unidades de produção que participaram do Bahia Rural Contemporânea – VIII Feira Baiana de Agricultura Familiar, Economia Solidária e Reforma Agrária (FEBAFES), participaram da oficina de Boas Práticas de Fabricação em Agroindústria Familiar, nesta terça-feira (28). O evento foi realizado em paralelo à 30ª Fenagro, no Parque de Exposições de Salvador. Promovida pela Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), por meio da Superintendência de Agricultura Familiar (Suaf), em parceria com o Sebrae, a oficina contou com a presença de 30 participantes.

:: LEIA MAIS »

Fórum de Educação indígena da Bahia discute os desafios em Ilhéus

Teve início na terça (22), a oitava etapa do Fórum de Educação Indígena da Bahia (FORUMEIBA),  na Aldeia Acuípe de Baixo em Olivença, Ilhéus, no Centro Cristão de Recriação (CECRE), e termina hoje (sexta), (24). Durante o evento mais de 700 indígenas entre cacique, lideranças e professores indígenas de toda a Bahia, discutem além da educação indígena e seus desafios, debatem a  saúde, políticas publicas, direito indígena, dentre outros assuntos além de apresentações culturais e venda de artesanato. Também conta com a participação de várias autoridades das esferas municipal estadual e federal, e parlamentares. :: LEIA MAIS »

5º Encontro Estudantil – Pataxós realizam oficinas sobre a cultura e tradições indígenas

pataxo estudante2

A cultura, a crença e os elementos da natureza utilizados nos rituais indígenas estão sendo apresentados nas “Oficinas Indígenas”, como parte da programação do 5º Encontro Estudantil da Rede Estadual, promovido pela Secretaria da Educação do Estado, na Arena Fonte Nova, com projetos de arte, cultura, ciência, inovação, empreendedorismo e tecnologia, desenvolvidos pelos estudantes da rede estadual. A oficina indígena é realizada pelos estudantes e professores da etnia Pataxó, acontece no nível 4, envolvendo palestras, rodas de conversas, exposição e realização de pintura corporal. :: LEIA MAIS »

Santa Catarina: Indígenas guaranis sofrem com ataques de pistoleiros

Eunice Antunes.JPG

Durante audiência na Câmara Municipal de Palhoça, Eunice disse que os indígenas foram ameaçados por vereador do DEM

São Paulo – As aldeias indígenas Tekoá Itaty, Tekoá Yaka Porã e o Centro de Formação Tataendy Rupa, no Morro dos Cavalos, em Palhoça (SC), têm sido alvos de diversos ataques desde o início de novembro. No começo do mês, Ivete de Souza, mãe da líder indígena Eunice Antunes, foi atacada brutalmente e teve a mão decepada. “Ela sofreu vários cortes na cabeça com um facão e teve a mão decepada. Ela está internada, mas não corre risco”, relata Eunice, em entrevista a jornalista, nesta terça-feira (21).

:: LEIA MAIS »

SDR: Rui Costa inaugura frigorífico que reforça a produção e abate de frango no extremo sul da Bahia

Governador Rui Costa e Secretário da SDR, Jerônimo Rodrigues, entregando chave do veículo a um empreendedor do extremo sul

Com o intuito de fortalecer o desenvolvimento econômico e socioprodutivo do Território de Identidade Extremo Sul, o governador Rui Costa esteve no município de Teixeira de Freitas, nesta quinta-feira (16), e inaugurou um frigorífico que tem a capacidade instalada para abater até 40 mil frangos por dia e já emprega 100 funcionários. Rui propôs uma parceria para ajudar a fomentar produtores de frango na região. “Evidente que um empreendimento desse tem a sua produção própria, mas os pequenos produtores da região podem também produzir frango e fornecer para empresa”, observou o Governador.Segundo Rui, é um orgulho para Teixeira de Freitas, para o sul da Bahia e para o Governo do Estado sediar empresas como o frigorífico inaugurado; “Quem está no cargo público tem a função de apoiar e incentivar para que mais e mais pessoas se tornem empreendedoras. Uma empresa como esta gera efeito positivo na economia da região, pois precisa de mais técnicos, mais caminhões, mais vendedores. É assim que a economia vai se fortalecendo”.

:: LEIA MAIS »

Cacoal: Escola promove Mostra que valoriza a cultura indígena

Fonte: Secom – Governo de Rondônia

A escola indígena Izidoro de Souza Meireles, de Cacoal, promoveu terça-feira (21) a 1ª Mostra Cultural. Com uma vasta programação voltada para a cultura indígena. O evento realizado por meio da parceria entre alunos, professores e comunidade indígena e terá início às 16h. A programação conta com apresentação de danças, músicas, peças teatrais e apresentações de produções textuais. A Mostra contará ainda com torneio de arco e flecha e uma mesa será montada para a exposição de ervas medicinais utilizadas pelos indígenas. Localizada na Aldeia Paiter, na linha 9, a escola oferece Ensino Básico, Fundamental e Médio. Para a coordenadora regional de Educação de Cacoal, Marlene Ceconi, a iniciativa da escola Izidoro mostra o comprometimento com a cultura indígena, tão presente em Cacoal.

:: LEIA MAIS »

Direitos: Pará Dois mil indígenas cobram direito de usar nome étnico

Márcia Vieira da Silva e muitos outros indígenas foram impedidos pelos cartórios de inserir os nomes de seus povos na identidade / Marco Zaoboni

Fabiano Soares dos Santos Tembé agora se chama Pytàwà Fabiano Warhyti Soares dos Santos Tembé e Márcia Vieira da Silva aguarda a mudança de seus registros. Assim que a questão burocrática for resolvida, ela poderá apresentar no seu documento de identidade o nome pelo qual se reconhece: Márcia Wayna Kambeba. O direito foi garantido por meio de um projeto do Núcleo de Defesa dos Direitos Humanos e Ações Estratégicas (NDDH) da Defensoria Pública do Estado do Pará. Até o momento, dois mil indígenas solicitaram ao NDDH a alteração de seus registros de nascimento para acréscimo de seus nomes étnicos.

Pytàwà e Márcia foram impedidos de fazer os registros de seus nomes  étnicos nos cartórios onde moravam. Ele, que hoje tem 31 anos, conta que os pais, ao registrá-lo, foram informados no cartório de que não poderiam inserir nomes étnicos que o identificasse como indígena. O argumento utilizado, na época, foi de que isso o protegeria contra a violência e o preconceito.

:: LEIA MAIS »

CAIXA ECONÔMICA: CANAVIEIRAS FECHARÁ AGÊNCIA

Rodrigo Cardoso: mobilização contra fechamento da Caixa em Canavieiras. Foto: Pimenta

A Caixa Econômica Federal decidiu fechar a agência de Canavieiras, a partir de 15 de dezembro. Agora os clientes que quiserem atendimento da unidade terão que se dirigir a casa lotérica. A agenciao mais próxima será nmunicípio. O fechamento da agência foi justificado pela suposta “falta de demanda”. Os funcionários serão realocados em outras unidades. O presidente do Sindicato dos Bancários de Ilhéus, Rodrigo Cardoso, durante discurso na Câmara Municipal de Canavieiras, conclamou os vereadores a se envolverem na luta contra o fechamento da agência. Os vereadores prometeram abordar o assunto em uma sessão especial para tentar trazer os deputados com atuação no município para o debate.

:: LEIA MAIS »



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia